quarta-feira, 2 de dezembro de 2020

MOSSORÓ - Caern alerta para cuidados com obstrução de esgostos em Mossoró


Em Mossoró, levantamento realizado pela Unidade de Manutenção e Operação de Esgoto da Caern, mostra que os atendimentos em desobstrução de esgoto condominial chegam a 40% de todas as solicitações da área de esgoto na cidade. “Na maioria destas solicitações, quando a equipe chega ao local, constata falta de cuidados com a rede interna, que é de responsabilidade do usuário”, afirma Alysson Dionizio, chefe da Unidade de Manutenção e Operação de Esgoto.

O levantamento mostra que no conjunto Vingt Rosado, nos últimos dois anos, só vem aumentando a procura pelo serviço de desobstrução. A má convivência com o esgoto condominial ocorre com condutas como jogar lixo dentro da tubulação, cobrir a caixa que está localizada no quintal e até mesmo o abandono do sistema. Em Mossoró, existem dois tipos de coleta de esgoto. O convencional, em que as caixas estão nas calçada das casas, E o condominial, aonde as caixas estão no quintal ou parte dos fundos das residências.

A população deve ficar atenta à boa convivência com o sistema para evitar transtornos. Ao adquirir ou alugar um imóvel, é importante que o cliente informe-se sobre a coleta de esgoto. Está previsto em contrato, quando o cliente solicita os serviços à Caern, quais são suas obrigações em relação ao cuidado com o sistema de esgoto.

A equipe de Manutenção já se deparou com imóveis, em que o proprietário cobriu completamente a caixa de acesso ao sistema de esgoto. O objetivo foi ampliar o imóvel. Esse tipo de conduta obrigou o proprietário a quebrar parte do piso da cozinha porque era preciso fazer a desobstrução na caixa de esgoto. Outra importante dica é jamais usar as caixas para receber lixo. E é obrigação do usuário fazer reparos que auxiliem o bom funcionamento. Uma manutenção anual é suficiente para manter tudo em ordem.

Segundo Alysson, a Caern faz a manutenção do esgoto condominial, mas se os clientes fizerem seu papel cidadão de boa convivência com o esgoto, ocorrerá menos desobstrução que é bom tanto para o cliente, quanto para a Caern. “A obstrução ocorre em um local, mas o transbordamento pode ocorrer no quintal de outra pessoa. É um sistema interligado em que todos têm responsabilidade”, reforça Alysson.

As vantagens para o cliente condominial é que, referente a esgoto, ele paga 35% do valor do consumo de água mensal. Já quem é atendido pelo convencional paga 70% do valor referente ao consumo de água mensal.

Nenhum comentário: