quarta-feira, 25 de março de 2020

PANDEMIA - Mandetta defende discurso de Bolsonaro e diz que quarentena precisa de prazo



O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, classificou nesta 4ª feira (25.mar.2020) como “precipitadas” as restrições mais rígidas de alguns Estados para conter a dispersão da covid-19. Ele defende que medidas intermediárias sejam aplicadas “antes de adotar o fecha tudo.”

Na avaliação de Mandetta, a quarentena está sendo decretada em cascata “como se nós estivéssemos todos em franca epidemia”. O ministro também defende que o isolamento tenha 1 prazo determinado, sob risco de se tornar “uma parede” às necessidades da população.

“A quarentena é 1 remédio extremamente amargo, extremamente duro. Antes de adotar o fecha tudo, existe a possibilidade de trabalhar por bairro, a possibilidade de se fazer a redução da mobilidade urbana. Nós saímos praticamente do início dos números para o efeito cascata de decretação de lock down como se nós estivéssemos todos em franca epidemia“, disse.

Nenhum comentário: