quinta-feira, 2 de junho de 2022

BRASIL - Mendigo influencer’ lança pré-candidatura mas não pode concorrer

O ex-‘mendigo’, Givaldo Alves, que ficou conhecido após ser espancado por um personal trainer por ter mantido relações sexuais com a esposa do profissional, estava planejando usar sua fama meteórica para se lançar politicamente, chegando até a anunciar, nesta quinta-feira (26), que concorreria ao cargo de deputado distrital. No entanto, o projeto pode não sair do papel este ano, dado que o pretenso candidato não está filiado a nenhum partido político.
Givaldo fez o anúncio de sua pré-candidatura em uma publicação nas redes sociais, onde também disse que fez uma pesquisa, na qual ele teria 700 mil votos. Mesmo com a hipotética projeção, não será desta vez que ele será eleito deputado. O prazo final para se filiar a um partido político e concorrer nas eleições deste ano foi dia 2 de abril.

A ideia de se lançar politicamente surgiu logo após o episódio em que Givaldo ganhou notoriedade na mídia nacional. Na época o então morador de rua chegou a receber convites para se filiar a, pelo menos, quatro legendas, mas não o fez. Se a filiação fosse consolidada neste tempo, esse requisito estaria preenchido, pois ainda estava dentro do prazo estipulado pela legislação eleitoral

Nenhum comentário: