quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

REGIONAL - Usina Solar Assú V é concluída e entra em operação comercial no RN

A Usina Solar Assú V, a primeira de porte comercial da ENGIE Brasil Energia construída no Brasil, entrou em operação comercial no RN nesta terça-feira, dia 26, conforme despacho com autorização da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) publicado no Diário Oficial da União de hoje. O objetivo foi alcançado depois de concluída a fase de energização da linha de transmissão e o comissionamento (testes finais) do parque gerador de energia elétrica da usina, no dia 13 de dezembro.

Localizada em Assú, à margem da rodovia BR-304, km 99, a Usina Solar Assú V tem capacidade instalada de 30 MW, com estimativa de abastecer uma cidade de até 130 mil habitantes. Assú V é fruto do Leilão de Reserva realizado em novembro de 2015, junto à ANEEL, sendo a primeira de cinco centrais de geração de energia solar da ENGIE previstas para região, formando o Complexo Fotovoltaico Assú.

“A obra foi construída em tempo recorde, a partir de abril. Trabalhamos no sábado, domingo, feriado, madrugada, e sempre com a máxima segurança do trabalho, para então atingirmos a meta de hoje ter a usina funcionando e com operação comercial ativa. A partir desta data, Assú passa a contribuir com a matriz energética do Brasil proveniente da energia gerada na Usina Solar Assú V, sendo mais uma fonte limpa de eletricidade no portfólio da ENGIE”, comemora o gerente de Obras da ENGIE em Assu, Rafael Caldeira.

A ENGIE investiu cerca de R$ 220 milhões na implantação da usina, gerando aproximadamente 400 empregos diretos no pico da obra. Ao todo são 320 mil painéis solares distribuídos numa área de 72 hectares. A implantação da Usina levou cerca de oito meses e, para conectá-la ao SIN (Sistema Interligado Nacional), foram construídos 14 quilômetros de linha de transmissão até a subestação Açu II, de propriedade da Chesf, situada na RN-016, entrada de Assú.

A energia produzida em Assú alimentará o sistema interligado do país, sendo regulado e fiscalizado pela ANEEL. A Usina também está registrada no Mecanismo de Desenvolvimento Limpo da ONU e vai gerar créditos pela redução de mais de 46 mil toneladas de emissões de CO2 por ano.

Responsabilidade Socioambiental

Nesse período de implantação da Usina Solar Assú V, várias atividades foram desenvolvidas pela ENGIE com foco em projetos socioambientais. Capacitação e aproveitamento da mão de obra local, com realização de cursos gratuitos no setor de energia solar para comunidade assuense; realização do Projeto Capacitar, promovendo capacitação gratuita sobre Leis de Incentivo Fiscal em Assu e região e cursos gratuitos sobre agroecologia para moradores das comunidades situadas no entorno da usina.

Outras diversas ações de preservação ao meio ambiente também foram desenvolvidas nesses nove meses de implantação da Assú V. Entre elas, o reflorestamento com plantio de 1.360 mudas com sistema de irrigação em área próxima da Usina; recuperação de áraes degradadas; monitoramento e controle de processos erosivos, monitoramento da faúna entre outros programas executados na região do empreendimento.

Nenhum comentário: