quarta-feira, 16 de agosto de 2017

BRASIL - CPI da Previdência é prorrogada por mais de 60 dias, até novembro

Paim solicitou que a prorrogação fosse de 120 dias, o que geraria uma despesa de mais R$ 100 mil, porém, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), alegou que a Casa está em contenção de despesas.

A CPI foi instalada no dia 26 de abril deste ano, com objetivo de analisar as contas da Previdência Social brasileira, tanto do ponto de vista contábil, financeiro, orçamentário, operacional, patrimonial e atuarial. Nesses quatro meses foram realizadas mais de 20 reuniões.

Nesta quinta-feira (17) a comissão promove uma audiência pública interativa com representantes do governo federal. Serão ouvidos o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, o presidente do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Leonardo de Melo Gadelha, o secretário da Previdência no Ministério da Fazenda, Marcelo Caetano e o representante da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc), Fábio Henrique de Souza Coelho.

Nenhum comentário: